Seja Bem Vindo, 18 de Agosto de 2018.
Peixoto de Azevedo - MT
Notícias
Polícia
Peritos denunciam empresa por plágio em parecer sobre velocidade de veículo
Fraude teria sido cometida em parecer sobre o atropelamento de um verdureiro na capital
Publicado em: 12/06/2018 ás 13:04:00 Autor: Portal Sorriso Fonte: Portal Sorriso
Foto Por: Divulgação

O Sindicato dos Peritos Oficiais Criminais de Mato Grosso (Sindpeco) denunciou uma empresa de perícia e consultoria por plágio em um parecer técnico sobre a velocidade do veículo que atropelou e matou o verdureiro Francisco Lúcio Maia, de 48 anos, em Cuiabá, em abril deste ano. O carro era conduzido pela médica Letícia Bortolini, de 37 anos, que fugiu do local.

 

O parecer é assinado pela empresa Forens Lab. Ao G1, o perito Thyago Jorge, representante da empresa negou o plágio e afirmou que a metodologia usado é muito utilizada no meio e, por isso, a semelhança foi apontada.

 

O segundo documento foi solicitado pelo delegado Christian Cabral, da Delegacia Especializada de Delitos de Trânsito (Deletran), após a divulgação do laudo da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) apontar uma velocidade de dano de 30 km/h.

 

O novo documento, por sua vez apontou velocidade de 95 km/h no momento do acidente. O G1 tentou contato com o delegado, mas as ligações não foram atendidas.

 

Segundo o sindicato, a empresa plagiou um laudo emitido pela Politec em 2014 sobre um atropelamento registrado no município de Sapezal, a 473 km de Cuiabá.

 

A suposta fraude foi detectada depois que o perito, responsável à época pelo documento, teve acesso ao parecer e reconheceu as semelhanças.

 

Na coletiva, os peritos usaram projeções e compararam 11 trechos do laudo deste acidente com o parecer feito pela Forens Lab.

 

As projeções mostram partes que são idênticas nos dois documentos. As semelhanças aparecem também em imagens, fórmulas e variáveis utilizadas nos dois documentos. 

  • Tags:
  • CUIABÁ
©2018 - Resumo Diário - Todos os direitos reservados.