Seja Bem Vindo, 20 de Setembro de 2018.
Peixoto de Azevedo - MT
Notícias
Política
Governo de MT paga servidores e parcela de dívida com banco
Prestação de empréstimo com o Bank of America tem valor aproximado de R$ 120 milhões
Publicado em: 09/03/2018 ás 14:06:00 Autor: Mídia News Fonte: Mídia News
Foto Por: Divulgação

 

O Governo do Estado confirmou que o pagamento de todos os servidores públicos do Estado será realizado ainda nesta sexta-feira (9).

 

 

 

Conforme a Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz), a partir das 10 horas serão creditados nas respectivas contas os salários dos aposentados e pensionistas, cuja folha líquida soma R$ 168 milhões.

 

 

 

Já os servidores da ativa devem começar a receber a partir das 15 horas. A folha salarial desta parcela do funcionalismo público é de aproximadamente R$ 370 milhões.

 

 

 

Durante visita ao complexo turístico da Salgadeira, na MT-251, na manhã de hoje, o governador Pedro Taques (PSDB) afirmou que o pagamento foi possível em razão de um esforço da Sefaz.

 

 

 

“Ontem depositamos o salário de 30 mil aposentados. E hoje serão depositados para os 70 mil da ativa. Esses começam a receber a partir de 15 horas de hoje. A Constituição determina que posso pagar até o dia 10, mas conseguimos antecipar a receita para valorizar os servidores”, disse Taques.

 

 

 

"Estamos trabalhando para, a cada mês, antecipar um dia da folha. Para que possamos, se Deus quiser, encaixar ao menos os aposentados no dia 30", afirmou o governador.

 

 

 

Dívida com banco

 

 

 

O governador também confirmou o pagamento de mais uma parcela da dívida de Mato Grosso contraída junto ao Bank of America. A parcela tem valor aproximado de R$ 120 milhões.

 

 

 

"Com relação ao banco, fizemos um esforço de arrecadação e fechamos algumas unidades orçamentárias. Fizemos o câmbio e estamos o pagando o Bak of America hoje", disse Taques.

 

 

 

A dívida com o banco internacional foi contraída ainda na gestão do ex-governador Silval Barbosa.

 

 

 

Há algum tempo, o Poder Executivo tenta renegociar esse débito.

 

 

 

A ideia é que o Banco Mundial assuma essa dívida e renegocie o pagamento com o Executivo, diminuindo a taxa de juros e alongando o prazo para quitação.

  • Tags:
  • FINANÇAS
©2018 - Resumo Diário - Todos os direitos reservados.