Seção de atalhos e links de acessibilidade

Polícia 18/06/2021 às 10:34

Fonte: Olhar Direto

Escrito por: Olhar Direto

ARAPUTANGA: Estudante de odontologia matou jovem por ciúmes enquanto ela jogava videogame

O estudante de Odontologia, Giovani Eduardo Aniceto de Araújo, de 24 anos, que matou Dennila Cris Dantas Barbosa, de 19 anos, a facadas na tarde de quarta-feira (16) em Araputanga (a 337 km de Cuiabá).


Foto Principal Notícia

Foto Por: Reprodução

O estudante de Odontologia, Giovani Eduardo Aniceto de Araújo, de 24 anos, que matou Dennila Cris Dantas Barbosa, de 19 anos, a facadas na tarde de quarta-feira (16) em Araputanga (a 337 km de Cuiabá), confessou que cometeu o crime após um surto de ciúmes. Ele teria visto uma conversa da jovem com outro homem, no computador dela. Ele disse que a vítima jogava videogame no momento em que foi atacada por ele.

 

Giovani foi preso por investigadores da Delegacia Especializada de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) na manhã desta quinta-feira (17), no Shopping Popular, em Cuiabá. Com comportamento frio e calculista, o estudante tentou simular um suicídio. No computador da vítima, encontrado com ele, havia um texto que ele escreveu como se fosse uma carta de despedida escrita por Dennila, dizendo que tiraria a própria vida.

 

De acordo com investigadores do cartório B, da DHPP, no interrogatório o suspeito confessou que matou a jovem por ciúmes. Ele teria visto mensagens no computador da vítima, de uma conversa dela com outro homem, já enquanto os dois mantinham um relacionamento virtual. Giovani é natural de Jaguaribana, no Ceará, mas mora na cidade de Fortaleza e conheceu a vítima pelo aplicativo de conversa sobre jogos Discord.

 

Ele contou à polícia que no momento que viu a conversa ficou “cego de raiva” e desferiu os golpes contra a jovem. Dennila estava sentada jogando videogame quando ele sacou a faca e a atacou. Segundo os investigadores da DHPP, Giovani disse não saber quantos golpes deu na vítima, e depois de matá-la foi ao banheiro, lavou as mãos e voltou para o hotel onde se hospedava, para planejar sua fuga para Cuiabá. O suspeito responderá pelo crime em Araputanga.



Ver mais