Seção de atalhos e links de acessibilidade

Polícia 01/06/2020 às 16:40

Fonte: Olhar Direto

Escrito por: Olhar Direto

A Polícia Civil prendeu na sexta-feira (29) um homem, de 42 anos, por suspeita de estuprar a filha, atualmente com 16 anos, desde os 10, em Canarana.

Pai é preso por estuprar filha por seis anos; vítima teve dois filhos

O suspeito teve a ordem judicial decretada por crime contra a dignidade sexual.

A vítima possuí duas filhas, uma delas com um ano e cinco meses de idade.


Foto Principal Notícia

Foto Por: Divulgação

A Polícia Civil prendeu na sexta-feira (29) um homem, de 42 anos, por suspeita de estuprar a filha, atualmente com 16 anos, desde os 10, em Canarana (823 quilômetros de Cuiabá). O suspeito teve a ordem judicial decretada por crime contra a dignidade sexual. A vítima possuí duas filhas, uma delas com um ano e cinco meses de idade.

As investigações iniciaram no dia 14 de maio, após ocorrência registrada na Delegacia de Polícia. A adolescente contou que era abusada pelo pai desde os dez anos. Com duas filhas pequenas, a adolescente disse que não sabe se as crianças são do namorado, ou frutos dos abusos sexuais praticados pelo seu pai.

Conforme o delegado de Canarana, Deuel Paixão de Santana, logo que comunicada dos fatos a Polícia Civil passou a apurar as informações. Durante o trabalho cauteloso de investigação, o suspeito chegou a ser ouvido, porém negou as acusações.

“A filha mais velha da vítima foi registrada pelo então namorado da menor. Porém na certidão de nascimento da segunda criança hão há pai declarado. Agora será coletado material genético para prova técnica e comprovação de paternidade”, disse o delegado.

Com base nos indícios, o investigado teve o mandado de prisão temporária expedido pelo Poder Judiciário. Ao ser preso, o pai foi novamente interrogado, negou o estupro e também negou ceder material genético para exame de DNA.



Ver mais