Seção de atalhos e links de acessibilidade

Política 05/08/2022 às 07:40

Fonte: Mídia News

Escrito por: Mídia News

MDB aprova coligação com Mendes e libera apoio ao Senado

MDB aprova coligação com Mendes e libera apoio ao Senado


Foto Principal Notícia

Foto Por: Mídia News

O MDB em Mato Grosso decidiu em convenção coligar com a chapa do governador Mauro Mendes (União Brasil) ao Governo e liberar os filiados na corrida pelo Senado.

 

"O partido está bem mobilizado. Uma bela chapa de deputado federal, boa chapa de estadual. Vamos a luta para eleger o maior número possível de companheiros", afirmou o presidente da sigla, deputado federal Carlos Bezerra, após o encontro.

 

Em relação ao Senado, apesar de a maioria apoiar a candidatura de Neri Geller (PP), o partido definiu pela liberação de apoios.

 

"O partido liberou, mas meu grupo apoia o Neri. A maioria dos prefeitos [apóia Neri]. De 80% a 90% com o Neri", afirmou Bezerra.

 

Outro canidato que tem apoio de parte do MDB é o senador Wellington Fagundes (PL), que tenta a reeleição.

 

Antes da convenção, Bezerra já havia antecipado o resultado.

 

“Tudo definido, está tudo bem. O partido está com comparecimento recorde aqui hoje e nós vamos daqui a pouco homologar o apoio à candidatura do Mauro Mendes para governador e vamos liberar a questão do Senado”, afirmou quando chegava ao Hotel Delmond.

 

Neste cenário, os políticos do partido estarão livres para apoiar qualquer um dos candidatos ao Senado.

 

Questionado se o posicionamento poderia causar confusão ou racha dentro do partido, Bezerra negou. Segundo o dirigente, como o MDB não tem nome ao Senado, não há problema em liberar o apoio.

 

“Não, nenhuma [confusão]. Ao contrário, liberdade para que cada um faça o que bem entender, até porque o partido não tem candidato ao Senado. Se o partido tivesse candidato sim, mas como não tem cada um fica à vontade para apoiar quem quiser. Não [está rachado], está unido mais do que nunca”, disse.

 

O líder do MDB ainda declarou que o partido majoritariamente irá apoiar a candidatura de Simone Tebet à Presidência da República. No entanto, alguns ainda terão liberdade para escolher outros nomes.

 

“Nós temos candidato, a Simone Tebet, nós vamos apoiá-la. Vai ter uma ou outra distinção, mas a maioria vai apoiar a Simone”, concluiu.

 

 



Ver mais